episódio   
      

sem tempo para despedidas
despreende, sai, não olha pra trás
retira da pele o visco de passado
caminha por um outro tempo

um adeus feito à bala
tem coração de prata
eu não sei bem o porquê

pausa para reconhecimento

SP 26/11/01
Jean Boëchat


| anterior | Índice | próxima |


©Mariana Newlands e Jean Boëchat [ Todos os direitos reservados ]