tocaiada   
      

De atalaia,
eu, bicho, te vigio: caça.

De sopetão,
eu, bicho, te faço: vítima.

Pele contra pêlos.
Boca-a-boca.
Suores.

---

Em tempestade,
eu, vento, te tormento: prada.

Em calmaria
eu, vento, te transformo: vale.

Lanhos na ferida.
Incêndios no ventre.
Odores.

---

De calmaria,
eu, vento, me transformo: brisa.

No acme do gozo,
eu, bicho, me renovo: filho.

Verdade e alternativas.
Realizar de sonho.
Amores.

SP 23/04/03
Jean Boëchat


| anterior | Índice | próxima |


©Mariana Newlands e Jean Boëchat [ Todos os direitos reservados ]