mais pobre   
      

pobre sonhador
larga tuas ilusões

olha o dia, olha o dia

pobre sonhador
põe os pés no chão

olha o dia, olha o dia

pobre sonhador
pula das nuvens

olha o dia, olha o dia

pobre sonhador
solta das estrelas

olha o dia, olha o dia

pobre sonhador
não existe mágica

olha o dia, olha o dia

pobre sonhador
amor de um lado só

olha o dia, olha o dia

pobre sonhador
já não sobra linha

só o dia, só o dia

pobre
já não tem

nem sonho
nem sabor
nem dia

o trem foi embora sem te levar
despertar é bom, mas dói.

SP 18/12/01
Jean Boëchat


| anterior | Índice | próxima |


©Mariana Newlands e Jean Boëchat [ Todos os direitos reservados ]