uma   
      

uma palavra
para cada dia

uma estrela
para cada noite

uma ave
para cada manhã

uma história
para cada vida

uma estrela
para cada mar

uma verdade
para cada tempo

uma mão
para cada medo

uma calma
para cada você

uma chance
para cada um

de andar ao lado
de sentir mais perto
de não dever nada pra ninguém

...

uma poesia
para esta saudade

uma flor
para meu coração

SP 11/10/01
Jean Boëchat


| anterior | Índice | próxima |


©Mariana Newlands e Jean Boëchat [ Todos os direitos reservados ]