bom demais   
      

são os dois
assim, juntos, desprotegidos

são os dois
assim, vivos, desencapados

como fio em tensão
como água: ebulição

são os dois
assim, todos, entorpecidos

são os dois
assim, poucos, enternecidos

como pano em distenção
como fogo: insolação

deita, deita
peito aberto: felicidade

deita, deita
sono aceso: excentricidade

é um pecado
é uma vergonha
é um acinte
é descaramento
é bom demais, você aqui e agarrar seus cabelos

SP 08/06/02
Jean Boëchat


| anterior | Índice | próxima |


©Mariana Newlands e Jean Boëchat [ Todos os direitos reservados ]