pássaro de madeira   
      

Ela não me teve.
Isso eu não contei.
Não era bom.
Nunca fui.

Nunca fui bom para ser convidado com veemência.


Isso é para outros.


Mas ela não me teve.
Isso eu não velei.
Não era não.
Nunca foi.

Nunca foi bom para ser tido sem prudência.

Ela disse que tinha que trabalhar e saiu.


Ouro Preto 01/08/01
Jean Boëchat


| anterior | Índice | próxima |


©Mariana Newlands e Jean Boëchat [ Todos os direitos reservados ]